Escolha uma Página

Saiba o que é permitido no marketing odontológico

7, ago 2019 | Destaque, Novidade

paciente feliz

A propaganda é a alma do negócio, inclusive, de serviços odontológicos. Entretanto, é preciso conhecer bem as regras específicas do marketing no consultório, conforme o código de ética do Conselho Federal de Odontologia (CFO), para não cometer deslizes na hora de fazer a sua divulgação.

Para ajudar você, dentista, a entender melhor o que pode e o que não pode no marketing odontológico, preparamos este artigo com os principais tópicos e pontos que você deve levar em consideração. Confira abaixo e esteja mais preparado para promover o seu negócio, sem medo de errar.

O que é permitido fazer?

A promoção dos profissionais da saúde bucal deve sempre seguir os princípios do código de ética do CFO e pode ser feita em qualquer meio de comunicação. Nesses materiais, é obrigatório constar: nome do profissional ou da empresa, nome da profissão, número de inscrição da pessoa física ou jurídica e também a inscrição do responsável técnico – nesse caso, apenas para pessoas jurídicas. 

Veja algumas infrações éticas:

• Comercializar os serviços odontológicos usando de propaganda enganosa e abusiva.

• Divulgar e anunciar práticas da área sem a devida comprovação científica.

• Oferecer serviços gratuitos em prol de campanhas, autopromoção e/ou troca de valores.

• Promover concorrência desleal e desvalorizar a profissão por meio de qualquer canal de mídia.

• Disseminar e expor imagens de tratamento de paciente sem autorização prévia e registrada.

Enquanto isso, nas redes sociais

A regra é clara também nos anúncios em redes sociais. Além das diretrizes do código de ética do CFO, o marketing odontológico deve estar alinhado com as políticas de publicidade dessas plataformas, o que ajuda a promover os serviços de saúde bucal de forma mais assertiva. Tanto no Facebook como no Instagram, os anúncios não podem conter: discurso de ódio, discriminação, conteúdo falso, entre outros aspectos. No caso das imagens veiculadas nesses anúncios, não é permitido conter “antes e depois” ou sugerir resultados inesperados ou que não se podem provar. Para saber mais detalhes, clique aqui.

Antes e depois: isso pode?

Até o primeiro semestre de 2019, o CFO ainda não permitia a realização do “antes e depois” na promoção dos serviços odontológicos em sites e redes sociais. Porém, o órgão atualizou essa resolução abrangendo novos direcionamentos para o marketing odontológico.

Desde a publicação do ato normativo, está liberada a divulgação de fotos e selfies de pacientes ou imagens de tratamentos realizados. Circunstâncias que exigem a autorização desses pacientes com termo de consentimento assinado pelo envolvido ou responsável legal.

Investir no marketing do seu consultório de forma responsável e consciente, sem dúvidas, pode gerar resultados expressivos, como a adesão de novos clientes, parcerias sólidas e até mesmo patrocínios de empresas da área da saúde bucal. O próprio código de ética do CFO é uma rica fonte de informação para você, dentista, seguir o caminho certo para usar o marketing de conteúdo a seu favor.

Para saber sobre as novidades e os desafios do universo odontológico, dentro e fora do consultório, acompanhe o nosso blog.

TAGS: #DENTALPARTNER #COMERCIOONLINE #ECOMMERCE #ORTODONTIA #ODONTOLOGIA

semana de descontos

LEIA TAMBÉM

Dental Partner: compre seus produtos odontológicos online

A comodidade das compras pela internet conquista cada vez mais pessoas.Segundo levantamento realizado pelo NZN Intelligence, 74% dos consumidoresbrasileiros preferem a compra online. Mas e você, já é um adepto das comprasonline na hora de repor os produtos...

Vai de máscara: Tudo que você precisa saber para ficar protegido

Vai de máscara: Tudo que você precisa saber para ficar protegido

Em meio a pandemia mundial do coronavírus, seguir a risca as orientações de higiene é fundamental para reduzir as chances de contaminação. Como se sabe, uma das formas mais eficazes do combate ao vírus é fazer a higienização das mãos com água e sabão ou álcool gel 70%...

Como fazer o planejamento financeiro do seu consultório

Não é preciso ser nenhum gênio da matemática para organizar as finanças do seu consultório. Mas você sabe por onde começar um bom planejamento financeiro? Quem trabalha com saúde bucal sabe que o foco principal está em atender os pacientes da melhor forma. No entanto,...